terça-feira, 20 de abril de 2010

Bê descobre que João fugiu da clínica!


Ele, Beto e Cristiana ficam arrasados...


Depois de ter tido seu pedido de ajuda negado pelos próprios pais, Bernardo conseguiu arrumar um meio de internar seu amigo dependente, João. À primeira instância, João aceitou fazer o tratamento numa boa, mas parece que Bernardo teria algumas surpresas indesejadas depois de tanto trabalho

Ao chegar na clínica em que o amigo está internado, Bernardo fica chocado ao saber que João fugiu. Dr. Charles, responsável pelo tratamento, tenta acalmá-lo: “Não fiquem chateados, meninos. Essas coisas acontecem com muita freqüência”.

Bernardo sente como se sua ajuda tivesse sido em vão: “Poxa, a gente achou que se o João tava se internando por livre e espontânea vontade, que ia dar certo...”. Mas nem sempre é assim. Às vezes a pessoa entra na clínica cheia de força de vontade, mas quando sente a falta da droga, entra em desespero e é capaz de qualquer loucura...”, explica o médico.

Bê fica ali no atendimento, arrasado. Cristiana também parece não acreditar na história. Beto consola os amigos: “Pô galera, fica assim não, a gente fez o que pôde...”. Bernardo tenta dar sinais de que ainda não desistiu: “Como assim?! Eu não vou desistir!”. Beto diz que não há mais nada a fazer, pois João, no fundo, não quer a ajuda de ninguém.

“Vou conversar com o João, tentar convencer ele de voltar pra cá!”, solta o namorado de Cris, convicto. Dr. Charles o encoraja, mas sempre ressaltando que ele precisa ter todo o cuidado: “Você pode fazer isso, Bernardo, mas vai com calma, tá? Não faz nenhuma cobrança ou acusação. O João, a essa hora, já deve estar se sentindo bem mal, sabendo que não resistiu mais uma vez.

“Tudo bem. Vou conversar com ele numa boa. Vamos nessa, galera!”, termina Bernardo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário